Pesquisa por Voz

Quando pensamos na pesquisa por voz imaginamos de imediato o tempo que poupamos por ser um meio de pesquisa mais rápido comparativamente à pesquisa por escrito. Está comprovado pelo Bing, que falar é 3.7 vezes mais rápido do que digitalizar.

Apesar de ser uma tendência, não é novidade. Esta opção está a funcionar e disponível em Portugal já há alguns anos, apesar de não ser a pesquisa mais usada entre os portugueses está a ganhar uma grande adesão por parte dos utilizadores.

Como funciona a pesquisa por voz?

No caso da Google, o primeiro passo a ser tomado passa por ligar o dispositivo à internet e proceder à instalação da app “Pesquisa por voz” no smatphone ou no iOS.

O segundo passo é a seleção do idioma e, posteriormente, carregar nas definições e escolher a opção “voz”, no entanto, existe uma segunda alternativa que consiste em clicar no microfone para ativar a pesquisa por voz.

A pesquisa por voz mudará as futuras estratégias de SEO?

A pesquisa por voz não foge às regras da pesquisa por escrito, uma vez que o utilizador tem de utilizar palavras-chave.

As dicas que damos ao utilizar é que este use uma linguagem simples e natural e que use frases em formato de perguntas.

Quanto ao cliente, as dicas que temos para dar, é que não se esqueça de indicar a localização da sua empresa na ficha técnica, pois é frequente os utilizadores fazerem buscas locais.

A pesquisa por voz mudará as futuras estratégicas de SEO, obrigando as marcas a acompanharem, pois é uma tendência e esta realidade será cada vez mais familiar e mais comum.

Esta funcionalidade apareceu devido à necessidade de simplificar e melhorar a vida das pessoas, substituindo o ato de escrever por falar.

(Escrito por Daniela Costa daniela25almeida.costa@gmail.com)

 

#mncomunicação #stayathome #wearesafe #marketingandcommunication